Nome*:
Telefone*:
E-mail*:
Mensagem:

Orçamento Online
Notícias
  • 02 jul 2015

    De olho na obra

    obraObra dá uma dor de cabeça, né? Pequena ou grande, ela é sempre estressante para o responsável e, às vezes, exige demais do seu tempo… Hoje a gente mostra como você pode otimizar seu tempo e o trabalho na obra da sua casa, do seu condomínio, ou empresa. Confira!

    1. Conheça o projeto da obra e tenha-o sempre à mão

    Muita gente começa a casa antes de pensar no projeto. O resultado disso é que, durante construção ou reforma, será necessário fazer muitos ajustes. Se você tem um projeto com todos os detalhes (indicações de materiais e acabamentos), entregue ao pedreiro. Isso diminui muito a chance de algo sair diferente do planejado. Quando você só explica o que quer falando, alguém pode não entender muito bem a informação. Com o projeto dá para planejar a compra de materiais e os gastos ficam sob controle. É essencial, também, que você visite a obra de vez em quando.

    2. Exija que uma sequência seja cumprida

    Faça um “roteiro da obra” e respeite-o. Quer uma ideia sobre a ordem das etapas?

    – Demolições;
    – Remoções e retiradas;
    – Reformas estruturais (o que inclui mudança de paredes, aumento ou redução de cômodos);
    – Lajes;
    – Telhados;
    – Assentamentos de portas e janelas;
    – Encanamentos;
    – Instalações elétricas (tomadas, pontos de luz, quadro de força);
    – Forro;
    – Assentamento de pisos e azulejos;
    – Instalação de louças, bancadas de granito/mármores e metais;
    – Pintura;
    – Instalação de luminárias;
    – Marcenaria

     3. Planeje a Compra de Materiais

    Se você respeitar cada etapa da obra, vai conseguir também definir quando comprar determinado material e quanto comprar…

    Para otimizar o tempo dos funcionários da obra, é importante que eles consigam comprar materiais o mais próximo possível. Uma solução, é abrir uma conta na loja de materiais de construção do bairro e contratar pessoas de confiança (que você sabe que não vão gastar além do necessário). E, na hora de fazer as compras maiores, tente agendar a entrega para que o material chegue no momento certo e a obra não fique parada.

    4. Organize-se financeiramente

    Primeiro você precisa saber bem quanto pode e quer gastar com a obra para ninguém ir “inventando” coisas no meio do caminho e você acabar se enrolando em dívidas, ou comprometer seu orçamento demais…

    Depois, precisa escolher como vai pagar os profissionais. As empreitadas são a melhor saída… Onde o profissional te dá o preço total do serviço e você pode combinar de pagar por etapas, ou parcelar: pagar metade antes, metade depois; ou uma parcela no início, uma no meio e uma ao fim da obra… Na empreitada você tem o preço fixo. Diferente de quando você paga pelo dia de serviço e aí pode correr o risco de gastar demais, porque a obra pode ter algum imprevisto e durar mais tempo que o planejado, ou o próprio profissional gastar mais tempo para ganhar mais.

    É preciso tomar cuidado com os gastos e prestar atenção na qualidade do serviço… Por isso não se esqueça de, sempre que possível, dar uma olhadinha no andamento da obra e conversar com o mestre.

    Boa sorte!

    Fonte: Portal Viva o Condomínio

    A HS Conservadora oferece as melhores soluções em conservação para o mercado de Juiz de Fora.

    Faça seu orçamento online ou Fale Conosco!

    Telefone: (32)3083-4214

    Comente Comente

HS Conservadora Todos os Direitos Reservados | 2013
Deselvolvido por Futuro Comunicação Aprimorar Desenvolvimento