Nome*:
Telefone*:
E-mail*:
Mensagem:

Orçamento Online
Notícias
  • 09 nov 2013

    Controle de Acesso

    Pessoas no Controle de acessoO controle de acesso é o sistema de defesa de um condomínio. É de extrema importância, para segurança dos moradores, que o porteiro saiba quem entrou e saiu de suas dependências, horários identificados, o que veio fazer no condomínio, quem foi visitar ou prestar um serviço, etc.

    Em edifícios empresariais, muitas vezes, esse controle é feito por biometria. No entanto, um livro de registro de pessoas (que seja separado por “categorias” entre moradores, visitantes e prestadores de serviço) continua sendo eficaz nesse sentido.

    O objetivo de manter um bom sistema em funcionamento é garantir o acesso rápido e fácil das pessoas devidamente autorizadas e impedir a entrada dos não autorizados.

    O ideal é que o registro de transeuntes no condomínio seja realizado em dois níveis:

    1. Controle de Acesso de Pessoas Cadastradas e Autorizadas Permanentemente (moradores, visitantes com acesso permanente, empregados domésticos e empregados do prédio)

    2. Controle de Acesso de Pessoas Não Cadastradas (desconhecidos, visitantes ocasionais (parentes ou não), amigo/namorado (a) de filhos, prestadores de serviço, policiais, fiscais, oficiais de justiça, pedintes, vendedores etc.).

    Pessoas cadastradas devem submeter ao livro de registro de moradores e visitantes o nome completo, data de nascimento, numero do RG, nome dos pais, cor da pele, estado civil, estatura aproximada, número do apartamento, grau de parentesco com o morador (caso visitante), dados do veículo (ano, modelo, marca, cor e numero da placa, possui ou não vidros filmados), telefone fixo e celular e foto (3×4) recente.

    Já para pessoas não cadastradas deve ser feita de maneira mais minuciosa. O porteiro deve atender sem sair da guarita e confirmar com o morador a autorização da entrada. Após a entrada do visitante o porteiro solicita documentação de identidade ou crachá da firma prestadora. Em caso de dúvida, o telefone do superior hierárquico do prestador deve ser pedido para confirmar o serviço e tudo deve ser anotado inclusive horários de entrada e saída.

    Pode parecer exagero ter os visitantes de nossa casa interrogados e questionados, mas, se tratando de segurança, se precaver de possíveis imprevistos nunca é demais.

     

    Comente Comente

HS Conservadora Todos os Direitos Reservados | 2013
Deselvolvido por Futuro Comunicação Aprimorar Desenvolvimento